O Que Muda Quando A Gente Envelhece – Por Emílio Figueira

Envelhecer, para alguns um medo, para outros uma dádiva. Quando a gente envelhece ou pensa em envelhecer muitas dúvidas e algumas inseguranças surgem. Acredito que o maior medo de alguns é: como é envelhecer? Quem vai cuidar de mim?
Bom, a tendência agora é sim você chegar na terceira idade. Se antes o Brasil era considerado um país jovem, por ter apenas 10 milhões de idosos (1990). Agora a previsão é de que em 2025 o número de idosos atinja a marca dos 34 milhões.
Estamos vivendo mais, e o medo ou a esperança de envelhecer nos leva a uma pergunta: o que muda quando a gente envelhece? Será que eu vou ser chato? Triste? Solitário? Deprimido? Calma, não é porque você envelhece que se torna outra pessoa.

As mudanças acontecem de acordo com você e as suas atitudes perante o envelhecimento. Para você entender melhor vamos citar uns exemplos do meu livro, Psicologia Do Envelhecimento Para Leigos.

O que muda na aparência quando a gente envelhece?

Como já sabemos, a aparência é uma das primeiras coisas que notamos quando a gente envelhece. As bochechas se enrugam e embolsam, aparece algumas manchas escuras na pele, a pele fica flácida, diminui nossa estrutura, entre outras mudanças.

E internamente? O que muda?

Nossos ossos endurecem, reduzimos o funcionamento de alguns órgãos, o cérebro perde um pouco da sua eficiência, o metabolismo fica mais lento, entre outros sintomas. É com a parte interna que devemos ter mais cuidado.
O acompanhamento de um médico durante a terceira idade é ainda mais preciso. Por mais que tenhamos nos esquecidos de ir ao médico durante a fase adulta. Temos que lembrar que quando a gente envelhece, precisamos tanto de um médico quanto um bebê precisa de um pediatra.

E as mudanças dos aspectos sociais e psicológicos?

Nestes aspectos, as mudanças podem ser consequência uma das outras. A aposentadoria, por exemplo, pode nos levar ao isolamento e consequentemente a falta de motivação, o que pode nos levar direto para a depressão.
Mas estas são aquelas mudanças que, assim como as internas, podem ser tratadas, ou evitadas. Para isso, é preciso que nós tenhamos a consciência de que se envelhece para dar início a uma nova etapa da vida.
O envelhecimento nada mais é que uma fase, como qualquer outra das que já tivemos e nos adaptamos. Por isso aqui vão algumas dicas para quando você chegar na terceira idade:
1 – Aceite suas limitações;
2 – Encare a finitude da vida;
3 – Produza felicidade com ocupações prazerosas;
4 – Continue estabelecendo objetivos;
5 – Reconheça o valor de todo o caminho percorrido.
Essas são algumas dicas para encarar a velhice de uma forma mais prazerosa. Não devemos ter medo de nos tornar idosos. Assim como uma vez fomos crianças, adolescentes e adultos, hoje somos idosos.
Se você gostaria de entender mais sobre como a gente envelhece, conviver com a terceira idade ou cuidar das pessoas idosas, adquira o e-book Psicologia do envelhecimento para leigos, nele você encontra dicas, pesquisas e tudo que precisa saber sobre essa fase da vida.

Deixe um Comentário

Olá, ficarei muito feliz se você puder comentar este texto.
Um abração!
Emílio Figueira

Postagem Anterior Próxima Postagem